Diferenças

Arte: Two Identical Flowers – K

Diferenças


Espelho de mim


Fugiu e voltou

Rosto mudado

Em nada alterou

Quem era?

O que dizia?

Saberá o reflexo dizer?

Igual, talvez…

De mim bebi

E dele matei a sede.

És irmã ou duplo?

Nem eu saberei dizer.

Imagens ou ideias

Não sei bem o qual

Responde ao eco

Sem ser bem igual.

Dulce Mor@is


Advertisements
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

13 respostas a Diferenças

  1. Enxerguei o teu poema, muito bem escrito por sinal, como o "eu lírico" vendo no espelho uma imagem antiga dele próprio, uma análise que ele faz de si mesmo, onde percebe que mudou, mas que também dependeu desta antiga imagem para ser o que é. Bacana, abraços Dulce!

  2. Nem sempre nos vemos como somos refletidos, porque interiormente há uma outra pessoa que não é aquela que os olhos possa ver.Bjs

  3. Sotnas diz:

    Olá Dulce, e que tudo esteja bem!Penso que nosso viver tem sido feito sempre destes simples detalhes, cada pequena dúvida que temos nos impulsiona a procurar mais e melhor a resposta certa, ou as certezas que buscamos, e no amor não é diferente, já que nosso viver tem nele o maior propulsor!E assim sempre que por cá passo encontro belas reflexões escritas sempre com intensa sensibilidade, parabéns e obrigado por compartilhar teus belos sentimentos!E eu grato por tua amizade e visitas tão gentis desejo que teu viver seja sempre tão intenso e deveras feliz, abraços, e, até mais!

  4. Bia Hain diz:

    Se ver refletida sem deixar de ser quem é. Sempre mudamos um pouco por dentro quando alguém nos é marcante. Belo poema…um abraço!

  5. Somos sim tdo que vemos refletido no ser que amamos, sim o amamos pq percebemos a nos msm no ser amado! magnifica a vida, ela nos surpreende sempre! isso

  6. Se ver refletido no outro, a forma de amor mais sublime que conheço.

  7. Por vezes olhamo-nos no espelho e confundimo-nos…. Bem reflexiva sua poesia. Bjus linda. => Gritos da alma => Meus contos => Só quadras

  8. Dulce,teu poema ecoa, com toda certeza, em meus próprios reflexos. Muito lindo tua "simplicidade" poética, adorei, bjs

  9. Minha linda,Quem sabe não é a nossa própria alma refletida em outra? Só um coração lindo como o teu diz tanto em tão poucas palavras. Gr. Bj. minha amiga! Lindo final de semana!

  10. Ser, quem é esse ser ambíguo? Ser, será q somos realmente quem pensamos ser? Talvez essa seja a maior busca, saber ser. Bjos, Dulce.

  11. AC diz:

    Dulce,O rasto deixado, no entanto, deixa marca…Beijo 🙂

  12. Isa Lisboa diz:

    Não é que às vezes o nosso reflexo nos espelho nos confunde? Especialmente quando o espelho não nos devolve o nosso rosto, mas apenas olhos que vêm como os nossos… ;)BeijinhoIsa Lisboa => Instantâneos a preto e branco => Os dias em que olho o Mundo => Pense fora da caixa => Tubo de ensaio

  13. Bela poesia.Bom fim de semana.

Obrigada pelo vosso comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s