Viagem ou não

Imagem: Morguefile

Imagem: Morguefile

Viagem ou não

Não sei se a partida ou a chegada fazem parte da viagem. Podemos nós dizer que a viagem já começou quando ainda não fizemos o primeiro passo, ou será que apenas começa quando o movimento nos leva. E quando já terminámos o percurso, será que a viagem já cessou ou poderá ela ainda continuar além do destino, além da meta atingida?

Nunca me preocupei muito com os inícios nem com os fins. O que me interessa são as paisagens que percorro, as árvores que acaricio, os horizontes que atinjo, os passos que dou, as pedras que retiro do meu caminho, aquelas que aceito no meu sapato, as montanhas que subo e os vales que me acolhem. Não há nada nas nossas mãos que possa levar-se. Só a alma pode ver completamente, além das imagens, o que faz o mundo, o que constrói um ser, o que fabrica uma vida.

Não é, por isso, uma nova viagem que se inicia. É a continuação do caminho. É uma curva que se anuncia. E não é prosa nem verso que aqui deito. São apenas palavras… ao vento lançadas e pelas nuvens recolhidas.

Dulce Morais

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

Obrigada pelo vosso comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s